sexta-feira, 21 de junho de 2013

"ROCK FOR HELP - 2º Edição: Contra o Frio"



  O ano era 2000 e o momento era de pura efervescência na cena regional, em especial a guaçuana que contava com mais de uma dezena de boas bandas em atividade, tocando, compondo ou ensaiando e nesse contexto também se inseriam as emissoras de rádio FM da região que em cada uma delas existia ao menos um programa direcionado para o público de ROCK AND ROLL em geral.
  Com tanta demanda as bandas começaram a se organizar em grupos de 3 ou 4 e organizar os próprios eventos. Eis que lá pelo mês de Maio ou Junho 2 bandas representativas da cena guaçuana que tinham membros que se conheciam desde o colegial resolveram unir forças em prol de um bem maior do que simplesmente tocar, as bandas em questão eram TRENDKILL (que futuramente viria a lançar um CD sob o nome INSÍGNIA) e WILD SHARK (veja mais http://www.tocadoshark.blogspot.com.br/2013/05/a-verdadeira-historia-do-wild-shark-uma.html). Sob a direção de Alexandre-WILDSHARK e Elery-TRENDKILL, foi criado o evento “Rock For Help – Contra o Frio” que visava organizar um show com três bandas para arrecadar agasalhos para o albergue municipal, já que o inverno daquele ano foi rigoroso e de quebra ter motivo para as duas bandas se apresentarem juntamente com uma terceira banda chamada BB-MANKO.
  Sendo assim Alexandre, por meio de um conhecido figura da cena guaçuana, Jefinho, descolou um Snooker-bar de 2 andares para realizar o evento e também 4 programas de Rádio para divulgar o evento. Elery por sua vez, confeccionou os cartazes e flyers artesanais em seu próprio PC e xerocou várias cópias que foram espalhadas de mão em mão cidade afora. Elery também cavou espaço em 2 jornais da cidade, onde ele juntamente com Alexandre concederam uma histórica entrevista explicando a cena regional e o intuito das bandas e do evento em si. Rafael, vocalista da TRENDKILL também deu entrevistas em rádios e jornais pela cidade.
Cartaz da primeira edição de 2000

  O boca-a-boca tomou uma proporção tão grande que até o pessoal que fazia um programa policial numa rádio da cidade, ouvido por toda a população na hora do almoço, resolveram divulgar o evento ao vivo varias vezes naquela semana que antecedeu o evento. Até que o dono do local resolveu pular fora do evento alegando que haveria quebra-quebra entre o público, aquele velho preconceito caía sobre os Rockers engajados. Aí entrava em cena o velho Jefinho de novo, já que além de conhecer o dono do recinto tinha pintado todo o prédio para ele. Jefinho fez o meio de campo e botou seu nome como garantia de paz no evento. Assim sendo o senhor voltou atrás na decisão.
  Após parcas 2 ou 3 semanas de divulgação maciça o evento ocorreu sem nenhum problema visível na noite de 15 de julho de 2000, um sábado chuvoso e bem frio que abarrotou o tal bar com pessoas sedentas por ROCK e muitos agasalhos foram recolhidos naquela noite. Aí esse evento entrou pra história do underground regional.
  13 anos depois, ou seja, uns 3 meses atrás eu resolvi escanear uns antigos flyers e jornais que possuía em meu baú para postar no Facebook, pros amigos saudosistas, eis que Elery, hoje sem tocar em banda alguma e proprietário de um Estúdio/Agência de publicidade chamado Fabulare Áudio Produtora resolveu levantar a questão num post nada delicado alegando que na cena atual ninguém mais se propunha a fazer um evento como aquele disposto a ajudar quem precisa e eu compartilhei usando o perfil da minha atual banda, METALMAD e aí foi lançada a fagulha que era preciso para reascender essa chama na cena atual.

Matéria do "Jornal do Guaçu" de 15 de Julho de 2000.

  A primeira pessoa que resolveu se manifestar em prol da causa foi o vocalista da conhecida banda mogi-miriana de Heavy Metal BARBARIA, Draco Louback  que se dispôs a ajudar com a presença da banda de que faz parte. Com a positiva da METALMAD e da BARBARIA resolvi procurar o Elery pra ver se ele estava afim de me ajudar nesta empreitada, com a sua positiva também fui atrás de mais uma banda, com algumas opções no pente, mandei mensagens a vários músicos da região o que infelizmente não acabou dando certo, pois cada banda enfrentava um problema interno ou outro impossibilitando-as de tocarem neste exato momento. Até que o guitarrista da METALMAD Mayke Marangoni sugeriu que fosse contatada uma banda nova que ele conhecia e que acabara de trocar de vocalista, a banda em questão ainda sendo estruturada foi batizada às pressas (pra esse evento) de STAR DESTROYER e é composta por jovens garotos que estão começando a sentir o gosto de ter uma banda de Heavy-Rock com repertório de covers ainda. Pois bem, resolvemos dar a oportunidade da banda estrear no evento.




  Com as 3 bandas decididas, faltava um local para o evento, foi quando eu resolvi falar com Samuel Profeta, proprietário do mais estruturado Bar de Rock da nossa região, ‘O Profeta Pub Rock’ de Mogi Guaçú. Ainda com muitos receios e decepções oriundas de antigos eventos desse porte que deram errado Samuel quase disse não, mas acabou cedendo o espaço físico do seu Pub para o evento ser realizado sem custos adicionais.

  Elery sempre perfeccionista resolveu agregar alguns patrocínios para a confecção de um cartaz decente e flyers coloridos, coisa que na primeira edição do evento não existiu e ainda de quebra gravamos em seu estúdio um tema específico para o evento, um comercial pro Youtube e uma vinheta. Assim nasceu o “Rock For Help – 2º Edição: Contra o Frio” em prol do ‘Albergue Vinha de Jesus’ de Mogi Guaçú.
  Com a produção da TOCA DO SHARK e da FABULARE ÁUDIO PRODUTORA, patrocínios das lojas ART ROCK CAMISETAS, ACÚSTICA INSTRUMENTOS MUSICAIS e IMOBILIÁRIA COMPANHIA DE IMÓVEIS, apoio de O PROFETA PUB ROCK e SIL PASSOS FOTOGRAFIA, em 2 meses de divulgação pra todos os lados, via flyers, cartazes e principalmente internet nós conseguimos lotar o Pub no último domingo, 16 de Junho de 2013 e arrecadar uma caçamba de Courrier cheia de doações para o albergue municipal, o que foi o foco do evento.


  Após uma pequena explicação de Alexandre ao público presente do que se tratava o “Rock For Help” e de onde se originou, agradecendo os patrocinadores, os shows começaram exatamente às 17:30 com a banda STAR DESTROYER debutando em palco e surpreendendo à todos logo de cara com covers de bandas como QUIET RIOT, ANTHRAX, METAL CHURCH, MEGADETH, METALLICA, PANTERA entre tantas outras, pegando à todos de surpresa devido à destreza destes meninos em seus respectivos instrumentos. Com um pouquinho mais de desenvoltura e presença de palco (coisa que só é adquirida em cima do palco mesmo, com o tempo) essa banda ainda vai alçar grandes voos, nos dando muitas alegrias. Nesta hora a casa já tinha um respeitável número de pessoas e doações que se amontoavam no corredor de acesso ao Pub e ainda iria encher mais.



STAR DESTROYER

  Após uma hora de show de abertura da STAR DESTROYER, era a vez da banda METALMAD subir ao palco com a ‘faca nos dentes’ e preparados para atacar com seu Heavy Metal oitentista com pitadas de 70’s e Punk Rock, a banda (cada apresentação mais afiada) abriu o show com a introdução ‘Ides of March’ do IRON MAIDEN emendada a hinos B-sides de bandas como W.A.S.P., DIO, MOTÖRHEAD, AC/DC, WHITESNAKE, KISS, JUDAS PRIEST, entre outras. 

Sandro Piccolo (baixo - METALMAD)

Alexandre Diogo (bateria - METALMAD)

Wendel Popycorn (guitarra - METALMAD)

Mayke Marangoni (guitarra - METALMAD)

Alexandre Quadros (vocal - METALMAD)

O momento épico ficou por conta do discurso do vocalista em prol das manifestações que estão neste momento ocorrendo em todo o país contra os abusos do governo e bradando que as pessoas deixem de ser ‘gente fina’, uma ótima deixa para o próximo som ‘No More Mr. Nice Guy’ de ALICE COOPER que a banda manda na versão do MEGADETH. Os outros momentos de destaque foram a apresentação da primeira composição autoral da banda chamada ‘Bom Dia Internauta’ que foi lançada no evento, ( http://www.youtube.com/watch?v=Zk_0yJ7Ap08 )com pegada rápida e ríspida conquistou o público com sua letra contundente atacando os mal-usuários das redes sociais e sua pegada punk deu brecha ao próximo som, ‘Psycho Therapy’ dos RAMONES que garantiu um momento de cáos organizado numa enorme roda de pogo onde até 2 membros da banda se jogaram. 
Platéia abrindo as rodas!

  Fechando a festa com ACCEPT a METALMAD deu lugar aos headliners da noite, BARBARIA que está lançando seu primeiro álbum full-lenght (em breve resenha por aqui) “Watery Graves”.
  Momentos antes da BARBARIA começar seu show, Samuel Profeta, proprietário da casa pediu a palavra para expressar sua alegria em ter feito parte deste evento social, confessando que não botava fé nesse tipo de evento há anos e que quase deu pra trás, mas que naquele momento estava feliz e satisfeito com o resultado positivo da noite, com a boa vontade do público presente que ajudou bastante e das bandas que estavam ótimas. Ele juntamente com Alexandre e Elery agradeceram o público e patrocinadores para em seguida dar lugar ao último show da noite, BARBARIA.

Momento dos agradecimentos antes do show da BARBARIA.

Sil Passos (a fotógrafa oficial do evento) com Profeta (proprietário do Pub)

Os organizadores do evento, Sr. Djalma e seu filho Elery da Fabulare e Alexandre da Toca do Shark
  Com um show calcado no material autoral a banda fez uma apresentação excepcional, contando com 8 sons próprios, como a já clássica ‘Under the Black Flag’ e a nova ‘Cut Throath Island’, o público deu uma esfriada e muitos debandaram, uma pena, realmente uma vergonha recorrente aqui na nossa região, já é a segunda vez que vejo isso acontecer num período curto de tempo, o público deveria dar mais atenção aos sons autorais da bandas em detrimentos a covers que está em total descontrole se pormos numa balança, mas isso é uma questão de tempo e tudo mudará para melhor, ao menos assim esperamos.


BARBARIA

Carlos Veerat (baixo - BARBARIA)

Marcelo Louback (guitarra - BARBÁRIA)

  Pra quem ficou, e foi um bom número de presentes, viu um ótimo show de Heavy Metal que a BARBARIA calca em cima do tema Piratas e saques. No final da apresentação eles chamaram ao palco o ex-baterista e fundador da banda Fernando Piasecki que deixou a banda amigavelmente pouco tempo atrás para interpretarem velhas peças de seu set list, como covers de GRAVE DIGGER, MANOWAR e RUNNING WILD.
Anderson Moraes (bateria - BARBARIA)

Draco Louback (vocal - BARBARIA)

Fernando Piasecki (ex-baterista do BARBARIA)
  Um grande show que encerrou este grande retorno do Evento ‘ROCK FOR HELP’ que teve um saldo super-positivo de exposição das bandas, presença de público e principalmente arrecadação de agasalhos para o Albergue ‘Vinha de Jesus’ de Mogi Guaçú, ao qual foram entregues todas as doações logo em seguida do encerramento do show, ainda na noite de domingo.


Alexandre, Samuel Profeta, Elery e funcionários do Albergue com doações
                                                 



Acima fotos com as doações antes da entrega ao albergue

  Antes de mais nada a TOCA DO SHARK e FABULARE ÁUDIO PRODUTORA agradecem o apoio, patrocínio, presença e divulgação de: Acústica Instrumentos Musicais de Mogi Guaçú e Mogi Mirim, Art Rock Camisetas de Mogi Guaçu, Imobiliária Companhia de Imóveis de Mogi Guaçú, O Profeta Pub Rock, Fotografia Sil Passos (fotógrafa oficial do evento), aos sites Rock On Stage, Mad & Mad, Simple Rock, Mogi Guaçu Acontece, Roadie Crew, Whiplash, Portal Megaphone, Portal Radio Rock Clube e Rádio Follow Your Rock e aos jornais Gazeta Guaçuana, O Popular e A Comarca de Mogi Mirim.


Patrocinadores da segunda edição.

  Agradecimentos finais às bandas STAR DESTROYER, METALMAD e BARBARIA e principalmente ao público presente e cativo que ajudou em muito a reascendermos a chama da cidadania na cena ROCK AND ROLL da nossa região.
E como dizia Brian Johnson: “À todos vocês que são do ROCK, nós os Saudamos!”
FOTOS by: Sil Passos, Michele Chianca, Thiago Lopes e O Profeta Pub Rock.


SET LIST DAS BANDAS
STAR DESTROYER

STAR DESTROYER:
OZZY OSBOURNE – Get’s me Through
MEGADETH – Symphony of Destruction
METALLICA – For Whom the Bell Tolls
QUIET RIOT – Metal Health (Bang Your Head)
METAL CHURCH – Metal Church
IRON MAIDEN – The Trooper
 PANTERA – Domination
ANTHRAX – Be all End All
JUDAS PRIEST – Hell Patrol
MEGADETH – Tornado of Souls
JUDAS PRIEST – Breaking the Law


METALMAD

METALMAD:
IRON MAIDEN - Ides of March
W.A.S.P. - I Wanna be Somebody
DIO - Hungry for Heaven
ALICE COOPER - No More Mr. Nice Guy (versão MEGADETH)
JUDAS PRIEST - Hell Bent for Leather
WHITESNAKE - Guilty of Love
SAXON - And the Bands Played On
AC/DC - Sin City (versão TWISTED SISTER)
MOTÖRHEAD - Killed by Death
METALMAD - Bom Dia Internauta
RAMONES - Psycho Therapy
KISS - War Machine
ACCEPT - Restless & Wild
KISS - Detroit Rock City
BIS: TWISTED SISTER - What You don't Know (Sure can Hurt You)


BARBARIA


BARBARIA:
1-Watery Grave
2-Under the Black Flag
3-Blackbeard
4-Cut Throat Island
5-Buccaneers
6-Flying Dutchman
7-The Piper
8-Merciless
9-GRAVE DIGGER – Rebelion
10-MANOWAR – Thor (The Powerhead)
11-MANOWAR – Battle Hymns

12-RUNNING WILD – Under Jolly Roger.



Samuel, Alexandre e Elery no palco com BARBARIA

Draco Louback (BARBARIA)

Renan, Luan e Jorge (STAR DESTROYER)

Pessoal da banda METTALDER prestigiando a festa.

Marcelo Louback (BARBARIA)

Jorge Lucas (STAR DESTROYER)

Carlos Veerat (BARBARIA)

Entrevista com BARBARIA no jornal A Comarca de Mogi Mirim dias antes do show.

Lucas Piovesan (STAR DESTROYER)

Luan Marcelo (STAR DESTROYER)

Rafael (STAR DESTROYER)



Elery e Alexandre



Sandro Piccolo (METALMAD)

Alexandre Diogo (METALMAD)

METAL'bangin'MAD

Alexandre Diogo (METALMAD)

Sandro e Mayke (METALMAD)


Alexandre (METALMAD) e o amigo Renato


Wendel Popycorn (METALMAD)

METALMAD

Sandro Piccolo (METALMAD)

METALMAD


Nenhum comentário:

Postar um comentário